Quinta-feira, 19 de Abril de 2012

Foste em vão

Ainda bem que não me amaste! Ainda bem que não chegámos a ser nada mais que amigos. Teria sofrido ainda mais e em vão.

Doeu tanto quando não me quiseste. Quando trocaste a nossa amizade, que apesar de tudo era real e verdadeira, pela paixão que sentes por ela. Talvez um dia a vida te diga que nunca se deve estragar uma amizade como a que tínhamos (ou a amizade que eu tinha por ti) por nenhum amor...

Os amores vão e vêm, e hoje em dia, cada vez mais, não duram para sempre. As amizades, por muito que aconteça, ficam sempre. Estão sempre lá. E por muito que me tenhas magoado, eu sei que se precisares, eu estarei ao teu lado. Mas não te iludas! Nunca mais me terás como já me tiveste. O amor/amizade que tinha por ti foi abalada de uma maneira avassaladora. Não respeitaste o meu sentimento. Preferiste-a a ela! Nunca vou esquecer isso. Nunca!
Na verdade sinto que não sabes ser amigo. Não sabes como o ser e nem o seu verdadeiro significado. Se tivéssemos em lugares opostos, não tenhas dúvidas, que eu estaria a segurar a tua mão o tempo todo. Eu deixaria quem quer que fosse só para te segurar a mão. Mas deixaria claro as minhas intenções. E quem quer que fosse que estivesse ao meu lado teria de perceber que eu estava a apoiar um amigo. Um amigo muito querido.
Mas no final das contas... Ainda bem que não me amaste! Teria sido bem mais complicado e agora que vejo as coisas mais claras posso ver que nem sequer teria valido a pena. Teria sofrido ainda mais em vão.

Estou: melhor
Música: Lágrima - Luciana Abreu
Publicado por tataflor às 00:48
link | Comenta AQUI!!! | Adicionar aos favoritos!!!

i3mais sobre mim

i3Pesquisa AQUI!!!!

 

i3últ. postes

i3 Foste em vão

i3Arquivo

i3Os meus favoritos

i3 Faça como a água contorne...

i3 Saudade...

i3 Caçador de Sois

i3 Apenas um desabafo...

i3 Who Knew

i3 No promises

i3tags

i3 todas as tags

blogs SAPO
RSS